Mini Wedding em Tiradentes

Um Mini Wedding em seu formato padrão deve ter no máximo 100 convidados! Na minha visão, até 50! A ideia é fazer algo bem intimista e muito personalizado. Não deixa de ser também uma pequena homenagem àquelas pessoas escolhidas a dedo, né?
Emília e Rafael escolheram fazer o casamento religioso dentro do formato mini Wedding- e ainda quiseram mais: um Destination Wedding! Reuniram 35 convidados para a cerimônia na Igreja, seguido por um almoço no restaurante Angatu, em Tiradentes!

 

 

Atenção total a cada um dos convidados, muito carinho e boas energias nesse momento especial – e o melhor: um fim de semana inteiro para curtir Tiradentes. Nada mal, não acham?

A Emilia arrasou nas escolhas e na delicadeza com os convidados! Tudo milimetricamente pensado para ser muito especial!

A identidade visual partiu do conceito Provençal. Com as lavandas tendo destaque especial em TODOS os detalhes. Para as peças, optamos por cerâmicas brancos ou vidro. Ja na composição floral, a Emilia pediu um pouco mais de cor, com toques amarelinhos so para dar uma iluminada! Assim sendo, mesmo sendo poucos arranjos, montamos uma composição com quase 50 espécies diferentes.  Foi a variedade que levou todo o charme e elegância que o casamento dela pedia! E foi uma deliiiiiicia fazer parte!

As lavandas estavam nas velas, no convite, nos menus, em sachês aromatizados, nas embalagens de Bem Casados, em vasos plantados e nos arranjos – com destaque especial para o buquê. Isso é a tal da personalização que eu sempre falo. Uma identidade visual bem feita produz um resultado incrivel para qualquer evento, independente do tamanho.


Gratidão por nos permitirem fazer parte!

Recepção: @angatutiradentes
Assessoria e cerimonial: @formatoproducoes
Fotografia: @brunalamas
Bolo: @elisacastrobolos
Música receptivo: @sollaremusica

#miniwedding #weddingdecor #decoracoespersonalizadas #casamentonocampo #casamentonojardim #decoraçãodecasamento #decor #casamentoaoarlivre #casamentodedia #noivas #noivas2020 #destinationwedding #bridal #bride #weddings #casamentosintimistas #destinationwedding #angatu #tiradentes



Estilos de Decoração de Casamento: Industrial

Considerado uma mistura do estilo vintage com o moderno, o estilo industrial é presença forte já há alguns anos. É chique, minimalista e muito versátil. Mistura antiguidades com itens mais modernos, texturas brutas e muitos metais – elementos principais. Ferro, cobre, cimento queimado, madeiras mais rústicas e/ou  de demolição, velas e lâmpadas de filamento entram com tudo, trazendo muita personalidade à decor.

 

Para quem é esse estilo: noivos mais ousados, que querem diversificar, impactar e que têm personalidade forte. Noivos que querem uma decoração elegante mas que fuja do óbvio.

Onde casar:  A escolha do local é importante. Fábricas, antigas marcenarias e armazéns e salões onde existe mistura de elementos são ótimas pedidas.

Querem dicas mais diretas de locais? Em Tiradentes, temos a Casa Fonbart, por exemplo. Em BH, Caravaggio Eventos e Utópica Marcenaria são ótimos locais para casamentos industriais.

Mas óbvio, a decoração fará o cenário. Então mesmo em locais onde não existem essas características, é totalmente possível fazer uma decoração industrial.

Paleta de cores: cobre, tons ferrosos, verde, laranja queimado, vinho, marsala, toques de amarelo e branco, dourado…dá para brincar com as cores, mas essas sempre predominam.

 

Estilo floral: Arranjos muito tradicionais, formato bolinha e com muitas flores estão FORA desse estilo. Aqui a pegada são os arranjos mais desconstruídos, com muitos elementos, texturas e muito verde. As flores entram sim, mas, com cautela, em pontuações e agrupamentos. Para um toque mais refinado, opte por flores nobres. Anturios, tulipas, orquideas, proteas, curcumas são ótimas pedidas.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                Vestido de noiva: Estamos falando de noivas com personalidade forte, correto? Então a indicação é escolher um modelo mais liso, moderno, sem muitos detalhes ou saias muito armadas. Um toque vintage cai muito bem!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

E ai, gostaram? Eu, particularmente, adoro esse estilo! Até os próximos, um beijooo!



Casamento Vintage em Bom Sucesso – Tifanie e Jorlan

Quando a Tifanie e Jorlan nos procuraram para a decoração do casamento, eu senti que seria muito especial. Primeiro porque seria meu primeiro casamento em uma cidade que amo, onde cresci e onde minha família se originou: Bom Sucesso, Minas Gerais.  Segundo, porque eles sempre se sentiram em casa conosco e faziam com que sentíssemos o mesmo. O resultado foi um casamento lindo, sucesso total e uma amizade muito especial entre nós.

Tudo partiu de uma primeira ideia: eles queriam muito usar um carro antigo na decoração. O estilo escolhido, então, foi o vintage e, desde o inicio, eles se mostraram dispostos a contribuir muito com a decoração. Marcamos algumas reuniões e escolhemos vários móveis e objetos dos noivos para fazer parte do casamento. O carro foi de um amigo, uma rural da década de 70, super conservada. Acabamos optando por colocá-la no meio do gramado, fazendo um pano de fundo para a decoração e também para a cerimônia civil, que aconteceria no local.

Para a mesa de bolo a Tifanie tinha um pedido bem diferente: ela não queria doces. Isso acabou sendo um desafio, uma vez que os doces auxiliam na decoração, enfeitam a mesa e compõem o projeto. Além disso, as forminhas de doces trazem cor e vida. Mas, seguimos o sonho dela, claro! E o resultado acabou sendo surpreendente. Para complementar a mesa que não teria as bandejas de doces, adicionamos objetos vintage com flores, gaiolinhas, gavetas de madeira, caixinhas…

E assim seguimos o conceito de toda a festa: garimpando móveis, objetos e peças que traduziam bem o estilo da Tifanie e do Jorlan e que harmonizassem com o restante da decoração.

Essa cômoda pertencia aos noivos! Uma graça, né?

Para as mesas de famílias optamos por uma decoração bem leve na mesa, uma vez que o foco seria na decoração suspensa com muitas flores em tons pastéis. Velas finas em diferentes alturas trouxeram a luz necessária para iluminar os complementos do Atelier Camila Gomes e pequenos arranjos de flores.

Nas demais mesas de convidados, trabalhamos com arranjos baixos e também com garrafas customizadas pela tia da noiva (amoo).

E o buquê da Tifanie??? Bem boho, cheio de flores nobres, do jeitinho que ela queria!

Casal lindo, meus queridos AMIGOS! Sejam sempre muito felizes e GRATIDÃO sempre pela escolha! Que dia mesmo vamos encontrar??

Time desse casamento:

  • Cerimonial e assessoria – Vivere Cerimonial
  • Local – clube AABB – Bom Sucesso
  • Fotografia: Gilney Botelho
  • Buffet: Márcia Buffet
  • Banda – Gustavo Duarte
  • Mobiliário: GF Locação de Móveis
  • Iluminação e fechamentos: Ilumifest
  • Complementos de mesa: Atelier Camila Gomes
  • Peças: Coisas de Montar e Script Decor
  • Arranjos florais: Luiza Juste; Palinka Studio e Mariene Carvalho

 

 



Estilos de Decoração de Casamento: Vintage

O estilo Vintage está em alta há algum tempo e, diga-se de passagem, não pretende “fazer as malas” tão cedo.

Para início de conversa, Vintage significa algo antigo, clássico e de excelente qualidade. Remete-se especialmente às décadas de 20, 30, 40, 50 e 60, mas as décadas de 70, 80 e 90 também entram no chamado “novo vintage”. O conceito se aplica a calçados, vestuário, carros, mobiliários e peças decorativas. Existe na arquitetura, design de interiores, na própria moda e, também, nos casamentos.

Ter um estilo de decoração vintage no casamento significa acrescentar peças decorativas antigas, de preferência que foram usadas pelos noivos ou outras gerações da família: máquinas de escrever, câmeras fotográficas, louças antigas, móveis, relógios, livros, malas… E, eu sempre digo que é importante que aquilo seja realmente especial para os noivos, que contem uma história, que remetam a uma época ou a uma pessoa muito especial. Acredito que o estilo da decoração não deve ser escolhido por acaso, de forma aleatória, é importante uma identificação verdadeira com aquela ideia. Senão perde o sentido, concordam?

Esses itens devem ser encaixados na decoração de forma delicada e bem planejada para que faça sentido. Baús, malas, caixinhas e até gavetas antigas podem ser usadas como porta objetos ou apoio para arranjos; gaiolas antigas são maravilhosas para aplicações florais; usar uma máquina de escrever para os convidados escreverem um recadinho aos noivos fica incrível. Já pensou na possibilidade de fazer uma mesa de bolo e doces usando as louças antigas da sua avó? Isso sim é personalização, meus amigos! Aquele relógio que seu avô dava corda quase todos os dias, aquele carro que tantas vezes te levou para passear, aquela escrivaninha ou penteadeira que só de olhar jorram histórias e muita saudade…eu sou apaixonada pelo estilo vintage porque ele traz emoção, principalmente se tudo ali tiver um significado real.

Decoração Casamento Tifanie e Jorlan
Decoração Casamento Tifanie e Jorlan
Decoração Casamento Tifanie e Jorlan

Falando de paleta de cores, o mais comum dentro do estilo vintage são os tons pastéis, mas isso não é uma regra! Acredito que, devido ao uso de objetos delicados, os tons claros realmente ficam mais harmônicos, mas fazendo um bom projeto, acho possível o uso de cores mais fortes também.

Decoração Casamento Tifanie e Jorlan

Outra ideia que eu acho bem bacana é fazer uma homenagem para pessoas da sua família: um cantinho dedicado aos avós, por exemplo, com fotos, itens que remetam à sua história. Eu e Thiago fizemos isso no nosso casamento e podemos dizer que trouxe MUITA emoção aos convidados (nossas vovós ficaram enlouquecidas)!

 

Enfim, o estilo vintage permite essas “brincadeiras” e eu AMO. Use e abuse da criatividade, encaixe elementos “DIY”, ou feitos pela tia, madrinha, avó, mãe… Isso traz CONTEXTO e EXCLUSIVIDADE. Faz com que seu evento seja único e inesquecível!

Elementos que não podem faltar?

  • MADEIRA – móveis antigos e madeira de demolição!
  • VIDRINHOS REUTILIZADOS – nada como um vidro de azeitona enfeitadinho com juta e renda para um casamento vintage, ne?
  • PORTA RETRATOS E MOLDURAS – use e abuse deles, sem medo de ser feliz.
  • CAIXOTES, BAÚS E MALAS – Não, eles não podem faltar.
  • MÁQUINAS DE ESCREVER, CÂMERAS FOTOGRÁFICAS, RELÓGIOS E ATÉ AQUELAS VITROLAS ANTIGAS – tudo vale.
  • PORTAS E JANELAS ANTIGAS –  que tal um portal para a entrada da cerimônia? Ou umas janelas enfeitadas com flores? – eu fico enlouquecida…
  • LOUÇAS ANTIGAS – se sua avó tiver muito ciúme das dela, o que é super compreensível, alugue. Mas elas não podem faltar.
  • CARROS ANTIGOS – já é moda a noiva chegar em um carro estilosão ne? Mas em um casamento vintage, aquele fusquinha antigo cairá perfeitamente!
Fonte: Pinterest
Fonte: Pinterest
Decoração Casamento Tifanie e Jorlan

E sobre o estilo dos noivos? Ainda falaremos disso em um post específico mas ao meu ver, quanto mais dentro do estilo da decoração os noivos estiverem, mais identidade terá o evento como um todo. Algumas ideias:

 

Agora é usar e abusar da criatividade! Comente aqui embaixo o que achou do artigo e compartilhe com aquele amigo que está pensando nesse estilo de decoração para o casamento!!! Um beijo carinhoso!

Fonte das fotos: Pinterest e acervo pessoal