Cerimônias de casamento ao ar livre: vantagens e cuidados especiais

Oláaa!!!

Então vamos começar a falar de casamento, né? Trataremos de temas relacionados à decoração usando sempre os nossos projetos como base, mas em alguns momentos, se acharmos conveniente, usaremos também algumas referências para exemplificar os assuntos de forma mais clara.

Quem nos conhece sabe a verdadeira paixão que temos por casamentos integrados à natureza, no campo, na represa, no sítio, no meio da floresta…

Primeiro por que a natureza entra no cenário com força total, complementando a decoração – e, em alguns casos, até dispensando um grande número de arranjos, móveis ou itens decorativos (vamos combinar que às vezes, menos é mais);

Casamento Raissa e Marcos – Espaço Província (Belo Horizonte)
Casamento Bia e Sérgio – Visconde de Mauá/RJ (Projeto do Palinka Studio e execução floral Luiza Juste, Palinka e Feflores)

Segundo por que, sem dúvida, traz um clima de aconchego, fica confortável para os convidados e cheio de energia boa.

Casamento Lais e Gustavo – Camuá Eventos – Lavras/MG

Terceiro por que a LUZ NATURAL é a coisa mais perfeita desse mundo, deixando as fotografias muito mais lindas, os arranjos mais vistosos, e as filmagens cheias de VIDA!

Casamento Bruna e Fernando – Pousada Brisa da Serra/ Tiradentes-MG
Casamento Bárbara e Leone – Cana Café/ Ijaci – MG

Bom, já provei então o quanto é lindo fazer uma cerimônia ao ar livre, correto? E, na minha opinião não existem desvantagens nesse tipo de cerimônia, porém, precisamos ter alguns cuidados especiais:

  1. Sempre tenham um plano B – o tempo pode virar!
  2. Inclusive, pensem na época do ano em que vão se casar – de outubro a março a chance de cair um toró no meio da cerimônia é maior.
  3. Escolha o horário da cerimônia com o apoio do decorador, fotógrafos e videomakers – eles saberão como aproveitar a luz do sol da melhor forma possível, sem estourar as imagens ou causar sombreamentos desagradáveis (gente, isso é sério)
  4. Outra dica para a escolha do horário: pense que é quase inevitável haver algum tipo de atraso, então contabilize isso para não correrem o risco do sol se pôr “antes da hora” ou estar quente demaaaaais no momento da cerimônia
  5. Mais uma dica sobre horário – especialmente para cerimônias no pôr do sol: algum atraso pode acontecer, mas EXPLIQUE aos convidados, familiares e padrinhos que não pode haver nenhum excesso e que vocês escolheram a cerimônia neste horário especialmente pelo pôr do sol. E padrinhos e convidados, sejam corretos nisso, vai! É o dia mais importante da vida deles!
  6. Cerimônias noturnas ao ar livre  também são lindas, mas dependem de uma boa iluminação – tanto voltada para a cerimônia quanto a cênica que iluminará a natureza ao redor – jardins, lagos, etc…de novo, converse com os fotógrafos e façam teste de iluminação com antecedência
  7. Cuidado com o uso de velas ao ar livre – dependendo do suporte ou castiçal, provavelmente elas não ficarão acesas – opte por lanternas ou vidros longos que protejam a chama
  8. Parece óbvio, mas não custa lembrar: balões com fogo são proibidos por lei (crime ambiental), então corram disso #pelamordedeus!
  9. Ainda farei um post específico sobre identidade visual, porém, #ficaadica aqui para cerimônias ao ar livre – deixem isso claro no convite. Através da paleta de cores, do estilo da papelaria e, quem sabe até convidar as pessoas mostrando um pouquinho do local? Para o casamento da Lais e do Gustavo, por exemplo, sugeri a eles que fizessem uma aquarela do Camuá (lindamente elaborada pela Fernanda Lhama). Muito amor, né?
Convite Lais e Gustavo

No mais, curtam a vista, o local, a energia do sol e da natureza!

Créditos das fotos: Equipe Luiza Juste; Lucas Loyola; Helena Leão e Gilney Botelho

Gostaram do post? Têm dúvidas? Comentem aqui embaixo e compartilhem! Um beijoooo!



Casamento na Fazenda – Mariana e Marco – Araçuaí/Minas Gerais

Não tenho nenhuma dúvida de que muitos encontros são “coisas do destino”. E a Mari e Marco são o exemplo mais claro disso.

Ambos moravam em BH, tinham família em Araçuaí, Norte de Minas e uma história super entrelaçada. Mas não se conheciam. A Fazenda Pau D´Alho havia sido do avô do Marco e foi onde os pais dele se casaram e onde ele passou toda a sua infância. A mesma Fazenda Pau D´Alho foi adquirida pela tia da Mari e foi onde ela passou momentos inesquecíveis de sua adolescência.  E de repente, os caminhos desses dois se cruzaram, com todo um passado cheio de histórias e um lugar repleto de memórias e de amor. Óbvio que o casamento teria que ser lá. E foi um dos casamentos mais lindos e cheios de significado que já participamos.

A decoração? Feita por muitas mãos. Aproveitamos todos os dons da família – especialmente da noiva – e enchemos a fazenda de filtros dos sonhos, macramês, itens de crochê…em cada cantinho se via AMOR, DEDICAÇÃO, HISTÓRIA.

Mari e Marco, meus amados! Que a felicidade seja uma constante na vida de vocês! Obrigada por nos deixarem fazer parte de algo tão especial!

Time dessa casamento:

Local: Fazenda Pau D´Alho – Araçuaí/ MG

Projeto de decoração e execução floral: Luiza Juste – Paisagismo e Design de Eventos

Cerimonial: Bruna Oliveira (Vivere Cerimonial)

Música cerimônia: Coral Ribeirão de Areia

Música recepção: Banda Chuva de Pedra  + amigos

Buffet: Maria Valdecy Lopes, Maria Emília Melo e Malu Doces e Salgados

Fotografia e filmagem: Mira Foto e Filme

Peças decorativas, mobiliário, complementos de mesa e almofadas : Acervo pessoal + acervo da família

Mariana + Marco – Destination Wedding – Araçuai / MGNós não dirigimos 8 horas até Araçuai para simplesmente filmar um casamento, na verdade fomos presenciar a história, que aconteceu, que está acontecendo e que vai acontecer. Essa história senhoras e senhores, não foi produzida, não foi moldada, ela simplesmente se apresentou a nós, nua e crua, bela e sincera, e nós nos deixamos levar e registramos com carinho cada cena, cada pedacinho dessa história que está longe, bem longe de terminar. Presenciem a vida de Mariana e Marco e permitam-se a sentir esse amor transbordante contido nesse humilde filme.Imagens: Joaquim Rodrigues e Sue LingEdição: Joaquim RodriguesA fotografia também foi da Mira, com a Sâmela Neves e Chris Bonfatti (Deu um trabalho convencer essa Chris de ir embora da festa viu kkkk)._________________________________Gratidão à todos que colaboraram pra esse evento lindo:Ao Vívere Cerimonial que cuidou de cada detalhe e que como a gente, se divertiram ao fazer tudo com muito amor.A Nathalia Teodoro Makeup pela belíssima produção da noiva e + uma galera lá no dia srsr.Ao encantador Coral Ribeirão de Areia que nos emocionou com as belas músicas da cerimônia (alguns trechinhos estão ai no filme 😁). O que dizer da decoração maravilhosa do dia??? Parabéns Ateliê Jardim com Flores, vocês mandam muito!E música boa não faltou nessa festa, valeu amigo Luciano Tanure Sete Cordas e banda por comandar essa festa que só de ver o vídeo da vontade de voltar kkk foi massa d+!A todos os outros fornecedores, das lembrancinhas (ainda guardo com carinho a minha plantinha), doces, bolos, cachaaaaaças, enfim, foi tudo perfeito!A pergunta que fica é: Como faz pra voltar? srsr ( Ainda bem que tem o filme pra gente relembrar né 😍 )Valeu Mariana e Marco, amamos estar com vocês, nos divertimos muito! Obrigado por fazer do nosso trabalho um grande prazer.

Posted by Mira Foto e Filme on Tuesday, October 24, 2017



Buquê de Noiva – Anna Paula

Conseguem imaginar a emoção de fazer o buquê de noiva da sua melhor amiga? Aquela que você conhece desde a mais remota infância? Essa é a Paulinha. Minha melhor amiga e uma das pessoas mais alegres, vibrantes, espontâneas e  lindas que eu já conheci. Conseguem ver isso tudo no buquê?

Fotos: André Usagi